Seguros para Autocaravana / van | O que saber

Neste artigo vamos falar um pouco dos seguros para autocaravanas / vans, dos valores normalmente praticado, dos seguros ‘especiais’ para esta categoria de veículos e da transição de categoria de veiculo.

Embora não sejamos mediadores de seguros, já fizemos vários seguros diferentes, numa van, numa autocaravana convencional, e numa carrinha de mercadorias, pelo que estamos relativamente ‘dentro do assunto’.

Para além dos seguros auto’s convencionais, que contemplam também as autocaravanas, existem seguradoras com seguros específicos para autocaravanas e mediadores de seguros que têm alguns acordos com seguradoras, de maneira a proporcionarem pacotes diferenciados para este tipo de veículos.

Como as autocaravanas são consideradas veículos de uso ocasional, e por isso teoricamente passam menos tempo em circulação, os preços praticados são bastante mais vantajosos.

Nós sempre que fizemos seguros específicos para autocatavanas, foi em mediadores, ou seja nunca foi directamente com as seguradoras, no entanto existem algumas opções no mercado, basta clicarem em cima do nome para irem directamente para o site.

Quando fizemos a viagem de 9 meses pela Europa, optámos por fazer o seguro na Castela e Veludo, uns mediadores de seguros na Parede. Estes mediadores têm um acordo com a CPA ( Associação Autocaravanista de Portugal), e têm um seguro para autocaravanas para sócios do CPA

Ser socio do CPA custa 67 € no primeiro ano, e 30€/ano nos anos seguintes. O valor seguro na Castela e Veludo começa nos 135€, e a seguradora é a Tranquilidade. 

Durante a viagem utilizamos este seguro uma vez, passados 7 meses na Eslovénia e não tivemos qualquer problema, no entanto houve algo que não gostámos, que foi o facto de quando fizemos o seguro, termos dito à mediadora em questão que nos iríamos ausentar durante quase um ano, e que queríamos um seguro para a nossa autocaravana durante a viagem à Europa, na altura a pessoa disse que não havia qualquer problema.

A questão foi que durante a viagem descobrimos que os seguros da Tranquilidade apenas cobrem 60 dias no estrangeiro… como já dissemos, usámos o seguro 7 meses depois e não houve problema, mas foi apenas para 30km de reboque, se fosse algo mais complicado, num sitio mais longínquo, podia ter sido diferente. 

Acreditamos que a mediadora não sabia da regra dos 60 dias, embora fosse seu dever… da nossa parte, devíamos ter lido todas as clausulas do contrato…

Desta vez, quando precisámos de fazer um seguro para a nossa carrinha transformada numa autocaravana, recorremos a outros mediadores de seguros, chamados Vitorino Seguros.

Neste caso tratámos tudo por e-mail e não temos nada a apontar até agora. A seguradora é a Tranquilidade e neste momento pagamos 160 € com quebra isolada de vidros, sem precisarmos de ser sócios de nada. Apenas é preciso ter pelo menos 25 anos e no mínimo 2 anos de carta.

Passagem de carrinha de mercadorias para autocaravana

Quando a nossa carrinha não estava legalizada e tinha a categoria de Ligeiro de Mercadorias, fizemos um seguro auto normal, no valor de 300€, quando faltava um mês para acabar o seguro, enviamos uma carta , que basicamente tinha o número de contribuinte, uma frase a dizer que declarava que queria terminar o contrato e a assinatura.

Depois foi apenas entrar em contacto com a Vitorino Seguros para fazer o novo seguro .

Se conhecerem outros mediadores de seguros com acordos especiais para autocaravanas, deixem a vossa experiência nos comentários .

Ajuda-nos a viajar mais 🙂

Queres ajudar a manter o site no ar e a contribuir para a nossa paixão de viajar? Utiliza um dos links abaixo para fazeres as tuas reservas. Para ti não tem qualquer custo e nós recebemos uma pequena comissão. Muito obrigado.

  • Reserva de alojamento através da Booking —-> Clica aqui !
  • Reservas através do Airbnb (30€ de desconto – novos utilizadores) —-> Clica aqui !
  • Compra os bilhetes para os monumentos e experiências através do Get Your Guide —> Clica Aqui !

se tiveres alguma dúvida, ou quiseres colocar alguma questão, é só deixar aqui um comentário ou enviar-nos um e-mail para worldonmyway@worldonmyway.com



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *