Normandia – O desembarque do dia D

Normandy - France

     A Normandia é uma zona no Norte de França, conhecida sobretudo pelo desembarque das tropas aliadas que ditou o inicio do fim da Segunda Guerra Mundial, no entanto não é só isso que esta região oferece, existem outros pontos de interesse como as falésias de Etretat, ou o Mont St. Michel, no entanto agora vamos apenas falar das zonas referentes ao desembarque.

O desembarque

     O desembarque da Normandia foi uma acção militar que visava reconquistar o território francês, ocupado pelas forças Nazis durante a segunda guerra mundial. No dia 6 de Junho de 1944 cerca de 150 000 soldados aliados, sobretudo americanos, ingleses, canadianos e franceses desembarcaram no Norte de França, nomeadamente nas praias da Normandia. Esta acção iniciou a reconquista de França e em seguida do resto da Europa às forças Nazis, e foi um dos feitos militares mais complexos e importantes da Historia recente do homem.

     Hoje em dia são muitas as recordações deixadas pela guerra, desde buracos de bombas, a cemitérios com milhares de cruzes, a tanques e museus espalhados por varias cidades, tudo isto acompanhado por muitos bunkers e restos de estruturas da guerra. A nossa passagem pela Normandia foi muito emocionante porque fomos confrontados com a brutalidade da guerra e com os sacrifícios feitos para libertar a Europa das forças opressoras.

Normandy - France
Visão de dentro de um bunker

     Nós chegámos a Normandia vindos do Sul de Inglaterra, apanhámos o ferrie de Poole para Cherburg ( importante zona portuária ), fizemos um desvio para vermos o mont st.Michel e seguimos para as zonas do Desembarque. Começamos em Grandcamp-Maisy uma vila portuária bonita, ideal para começar o roteiro pelas praias do desembarque, em seguida fomos a Pointe Du Hoc.

Pointe du hoc (49°23'36.2"N 0°59'11.3"W)

   É uma fortificação feita pelos alemães para protegerem o território francês que tinham conquistado, este local estava fortemente armado, com um sistema de bunkers muito bem conseguido. Isto fez com que fosse um local muito importante durante o desembarque e foi palco de um dura batalha, hoje em dia é possível ver os restos das infraestrutura, um memorial aos soldados mortos em batalha e as crateras provocadas pelas bombas.

     De seguida fomos para Omaha Beach, uma das praias do desembarque.

Omaha Beach (49°22'17.5"N 0°52'54.5"W)

   – A praia de Omaha foi uma das cinco praias em que os aliados desembarcaram durante o dia 6 de junho de 1944. A praia tem 8 km e hoje em dia é possível ver restos de infraestruturas utilizadas durante o desembarque, museus, memoriais e alguns jipes e tanques estão expostos por esta zona.

     Depois de visitarmos esta praia fizemos um pequeno desvio para visitarmos o cemitério americano.

Omaha Beach - France

Cemitério Americano (49°21'21.8"N 0°51'10.0"W)

     –  O Cemitério e memorial americano, com cerca de 10 000 homens é o maior cemitério da Normandia. Aconselhamos este cemitério porque dos que vimos é o que mais impacto causa, para alem de ser o maior e mais bem ornamentado.

Port-en-Bessin (49°20'58.9"N 0°45'15.3"W)

    Seguimos para Port-en-Bessin, uma vila piscatória ideal para pernoitar de auto caravana. Esta vila tem uma característica muito engraçada, há milhares de conchas na praia, que são despejadas pelos pescadores.

     Logo a 5 km existe as Baterries de Longues-sur-mer. No entanto optamos por ir primeiro a Bayeux, a primeira cidade da Normandia a ser libertada depois do dia D.

Bayeux

     A cidade de Bayeux tem um simbolismo bastante grande relativamente a batalha da Normandia porque foi aqui que o general francês Charles de Gaulle fez o primeiro discurso depois do desembarque e que deixou bem claro que a França estava de novo na posse dos aliados . Cidade agradável para dar um passeio, com uma catedral muito bonita, é aqui também que se encontra o museu da batalha da Normandia.

Bayeux - France

Baterries de Longues-sur-mer - 49°20'33.3"N 0°41'27.2"W

   

     Este local albergava 4 armas navais de longo alcance, hoje em dia é dos sítios é possível ver armas deste género em melhores condições e pelo menos uma delas está intacta.

     De Longues-sur-mer é possível ir até Gold Beach a pé, mas aconselhamos irem de carro, porque depois para voltar pode custar um pouco.

Gold Beach (arromanches-les-Bains) - 49°20'23.2"N 0°35'45.9"W

     Este foi nome de código dado pelos aliados, à praia onde iriam criar um porto artificial para fazer o desembarque das tropas e das maquinas pesadas. Hoje em dia ainda é possível ver os restos das infraestruturas, quer na água quer na praia, nesta zona há jipes, tanques, restos das pontes e outro material exposto pelas estradas.

     A segunda guerra mundial é um dos acontecimentos mais trágicos e marcantes da historia moderna do homem e a Normandia é um dos locais onde dá para sentir isso mesmo, para alem de ainda serem visíveis marcas dessa própria guerra, quer nos crateras deixadas pelas bombas, quer nos cemitérios militares com milhares de mortos espalhados por esta zona.

Dicas para quem quer viajar para a Normandia.

  • Visitámos esta zona em Janeiro, mas para quem possa escolher achamos que a melhor altura para visitar é no Verão, pois assim é possível juntar as visitas culturais a mergulhos nas praias.

  • Muitos dos museus estão fechados na época baixa, por isso é aconselhável uma consulta prévia para saber quais estão abertos.

  • A Normandia é excelente para quem viaja de auto caravana, com muitos sítios para pernoitar e para encher e despejar aguas.

  • Por todas as vilas pescarias, há mercados onde comprar produtos locais e frescos.

  • Como é comum em França existem muitos pontos de informação turística com informações sobre esta zona, abertos todo o ano.

Sítios para pernoitar de AC :

Grandcamp-Maisy – 49°23’22.0″N 1°02’58.3″W

Sitio para pernoita ao pé do porto da vila.

Port-de-bessin – 49°20’58.9″N 0°45’15.3″W

Sitio para pernoita ao pé do porto da vila

Longues-sur-mer – 49°20’45.0″N 0°41’25.5″W

Sitio para pernoita com uma linda vista para o mar no topo de uma falésia sem nada a volta, dos sítios mais bonitos que pernoitamos.

Mapa Normandia

Artigos relacionados

se tiveres alguma dúvida, ou quiseres colocar alguma questão, é só deixar aqui um comentário ou enviar-nos um e-mail para worldonmyway@worldonmyway.com

2 comentários em “Normandia – O desembarque do dia D

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *